segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Artesanato amazonense é destaque em Salão de Negócios da Fashion Rio


MANAUS - A criação dos artesãos amazonenses ganhou destaque durante a 17ª edição do Rio-À-Porter, Salão de Negócios da Fashion Rio, considerado um dos maiores eventos de moda da América do Sul. As peças apresentadas no evento foram confeccionadas durante a realização do projeto Artesanato Sustentável do Amazonas, realizado por meio da Empresa Estadual de Turismo (AmazonasTur), em parceria com o Ministério do Turismo.

Além de apresentar e divulgar o artesanato amazonense para o público que prestigiou o evento, os artesãos aproveitaram para mostrar as novas cores descobertas após o processo de tingimento natural. “Durante as oficinas aprendemos que usando os próprios recursos da natureza nós poderíamos chegar às novas cores e o melhor, cores naturais, que respeitam e não agridem o meio ambiente”, disse o artesão parintinense, Gurmecindo de Souza Neto.

O artesão Nei Costa da Silva artesão também participou do Salão de Negócios da Fashion Rio. “O projeto nos proporcionou elevarmos o nível das nossas criações, ou seja, nós unimos os nossos conhecimentos com as novas maneiras de criar uma peça artesanal sustentável”, disse.

A presidente da AmazonasTur, Oreni Braga, afirmou que a ida dos artesãos amazonenses ao evento elimina qualquer participação do ‘atravessador’. “Antes, para uma peça chegar nos principais mercados, os artesãos necessitavam de um ‘atravessador’, com este projeto nós eliminamos esse personagem do processo e quem negocia é o próprio artesão”, completou.

Além do Rio-À-Porter, Oreni disse ainda que estão confirmadas a participação dos artesãos amazonenses em cinco feiras, sendo três no Brasil e duas no exterior: Firense, na Itália e outra em Lisboa, Portugal. As duas últimas são consideradas as mais importantes do mundo neste setor.

Projeto Sustentável

Agregar valor aquilo que é produzido pelo artesão local e orientá-lo para manter a sustentabilidade da matéria prima usada no seu trabalho foram os objetivos do Curso de Artesanato Sustentável do Amazonas, que o Governo do Amazonas, em parceria com o Ministério do Turismo, por meio da AmazonasTur, realizou em sete municípios amazonenses: Manaus, Iranduba, Novo Airão, Parintins, Barreirinha, São Gabriel e Tefé. Ao todo mais de 200 artesãos participaram das oficinas.

Além disso, o projeto só veio fortalecer e promover ainda o artesanato, o turismo e o respeito para o meio ambiente. “Foi partindo desses princípios que hoje esses artesãos criaram uma coleção sustentável e exclusiva que representa a identidade e a herança cultural do Estado do Amazonas”, disse a presidente da AmazonasTur, Oreni Braga.

Nas oficinas, que foram realizadas de março a novembro do ano passado, os artesãos também tiveram aulas de sensibilização para o turismo, design (novos produtos e novas técnicas), associativismo e cooperativismo, comercialização e educação ambiental (manejo participativo).

Outro trabalho fundamental neste projeto foi a criação da marca Amazonas nas peças criadas pelos artesãos. “Quando uma pessoa adquirir a peça de artesanato feita aqui no Estado ela vai saber a procedência deste produto”, destacou Oreni. (AL)

Fonte: Portal Amazônia

WWW.CLICKFIOS.COM.BRSua loja de armarinhos 24 horas na internet!!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...