quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Prêmio incentiva gestão profissional no artesanato

Começam no dia 3 de outubro as inscrições para o TOP 100, realizado pelo Sebrae em todo o país a cada três anos

Para identificar as melhores práticas de artesanato em todo o país, será realizada a 3ª edição do Prêmio Sebrae TOP 100 de Artesanato. Os interessados em participar podem se inscrever de 3 de outubro a 30 de novembro. A premiação, realizada de três em três anos, incentiva os artesãos a introduzirem técnicas de sustentabilidade e a melhorarem a gestão de seus negócios. As duas primeiras edições foram realizadas em 2006 e em 2009.

O Sebrae espera receber mais de mil inscrições neste ano. Os vencedores serão selecionados entre empreendedores individuais, grupos de produção artesanal, micro e pequenas empresas, associações e cooperativas. A seleção considera critérios de inovação dos produtos, adequação econômica e ambiental, qualidade e responsabilidade social, entre outros quesitos. Ao todo, 180 unidades produtoras receberão visitas para a escolha das cem melhores.

A premiação acontece em agosto de 2012. Os vencedores têm a oportunidade de expor seus produtos em quatro eventos comerciais de expressão nacional. Eles podem ainda usar o selo TOP 100 de Artesanato e divulgar seus produtos no catálogo do prêmio.

Profissionalização

O objetivo do TOP 100 é estimular a melhoria do artesanato brasileiro, principalmente na gestão dos processos - da produção ao comércio. A profissionalização da administração foi um dos benefícios da vitória do grupo Marcheteria do Acre, na edição de 2009. Os 23 artesãos do município de Cruzeiro do Sul passaram a gerir o negócio de forma mais eficiente para atenderem à demanda, que não para de crescer.

"Hoje temos uma política de vendas bem organizada, o que foi necessário para suprir o aumento da procura. Nossa venda mensal passou de 220 peças, em 2008, pouco antes do prêmio, para mais de 500, agora", conta a coordenadora do grupo, Florinda Bissoli. Há 15 anos, os artesãos praticam a marchetaria, arte de empregar madeiras incrustadas, embutidas ou aplicadas em peças de marcenaria, artigos decorativos e utensílios como porta-joias.

Segundo Florinda, a visibilidade dada pelo catálogo é a grande responsável pelo aumento da demanda. Comerciantes de vários estados e lojistas de outros países, como a França, passaram a se interessar pelas peças. "A demanda aumentou tanto que a partir de 2012 vamos treinar novos artesãos. Chegamos ao limite da nossa capacidade", afirma. 



Clickfios.com - Sua loja de armarinhos 24 horas na internet!!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...